Programa Pesquisador Colaborador

Versão para impressão

O Programa Pesquisador Colaborador, criado em 06 de outubro de 2017, tem por objetivo permitir que pesquisadores experientes, vinculados ou não a outra instituição, possam colaborar com a pesquisa científica da Universidade de São Paulo.

​​[1] Documentação para implementação do estágio disposta no item 7. 

1.    Disposições gerais

O Programa de Pesquisador Colaborador da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo visa a fomentar a colaboração de pesquisadores de outras instituições nos Departamentos, Laboratórios e Núcleos de Pesquisa da unidade.

Espera-se uma estreita colaboração entre o pesquisador colaborador e a unidade institucional vinculante, de forma que 1) essa apresente as condições necessárias ao desenvolvimento da pesquisa e à atuação institucional daquele; e 2) por sua vez, o pesquisador ofereça sua contrapartida, no sentido de favorecer o ensino, a pesquisa e a difusão do conhecimento na unidade.

 

2.    Modalidades de Pesquisador Colaborador

São admitidas as seguintes modalidades de pesquisador colaborador:

  1. Sem vínculo empregatício, com bolsa de agências de fomento.
  2. Com vínculo empregatício, com afastamento, remunerado ou não, de suas funções na instituição de origem.
  3. Com ou sem vínculo empregatício, com financiamento próprio.

 

3.    Requisitos

São requisitos básicos para o ingresso no Programa:

  1. Possuir diploma de Doutorado reconhecido pela USP.
  2. Supervisão de um docente proponente no âmbito da linha de pesquisa, departamento, laboratório ou núcleo vinculante.
  3. Não há restrição em relação ao tempo de obtenção do título de Doutor (conforme Resolução CoPq No. 7413 de 06/10/2017).

 

4.    Prazos

O estágio poderá ser concluído em até 5 (cinco) anos. O cadastramento inicial deverá prever duração máxima de 2 (dois) anos, podendo haver prorrogações, a critério dos Departamentos. Caberá aos Departamentos a verificação da presença dos pesquisadores colaboradores e do cumprimento dos compromissos assumidos no Plano de Atividades Institucionais.

 

5.    Obtenção do certificado

Só serão certificados os pesquisadores que obtiverem aprovação por seus pares, via parecer de mérito elaborado por um relator e apreciado pelas seguintes instâncias colegiadas:

  1. Conselho do Departamento;
  2. Comissão de Pesquisa.

 

6.    Documentação exigida para submissão de proposta

  1. Projeto de Pesquisa
  2. Plano de Atividades Institucionais[2]
  3. Curriculum lattes
  4. Cópia da ata da defesa ou do diploma de Doutor.
  5.  Carta de aceite do professor responsável
  6. Formulário de submissão de proposta

 

[2] Plano de atividades Institucionais

A fim de cumprir a resolução para o Programa de Pesquisador Colaborador da FFLCH-USP, o candidato deverá apresentar, no ato da inscrição e da solicitação de prorrogação, um Plano de Atividades Institucionais que deverá contemplar ao menos dois dos seguintes itens:

  1. Oferta de cursos de pós-graduação, na condição de ministrante ou de co-ministrante.
  2. Oferta de cursos de extensão no âmbito de um departamento.
  3. Organização de eventos acadêmicos.
  4. Orientação de Iniciação Científica.
  5. Direção de seminários de leitura e pesquisa
  6. Conferências e participação em eventos temáticos.

Obs.: Os pesquisadores colaboradores não podem ministrar aulas teóricas na Graduação.

 

7.    Documentação para implementação do estágio

  •  Cadastro inicial
  • Cadastro para professor visitante  english | español | français | português (se estrangeiro)
  • RG ou RNE/Passaporte
  • CPF
  • Declaração de Reconhecimento de Direitos de Propriedade Intelectual (anexo III)
  • Aprovação pelo Conselho do Departamento
  • Foto 3x4 digitalizada, em arquivo JPG
  • Termo de Adesão (anexo IV) - após aprovação do pedido
  • Documentação específica:
    A - Para modalidade COM BOLSA:
    - Termo de outorga e Aceitação da bolsa

    B - Para modalidade SEM BOLSA e COM Afastamento Empregatício:
    - Termo de Ciência da instituição empregadora (anexo I);
    - Afastamento da Instituição (Declaração da Empresa ou Publicação em Diário Oficial)
    - Parecer elaborado por relator especializado na área

    C - Para modalidade SEM BOLSA:
    - Termo de compromisso (anexo II
    - Parecer elaborado por relator especializado na área