ÁLVARO ITIE FEBRÔNIO NONAKA

Curso
Mestrado
Orientador
Alex de Campos Moura
Título da pesquisa
A trama do Irreal: Imaginação e Liberdade em Sartre
Resumo da pesquisa

A liberdade sartreana n’O Imaginário se dá através de um projeto imaginativo, do qual há um esforço em colocar a imaginação como o tipo de consciência mais elevada, posto que toda vez que imaginamos trazemos o nada ao mundo e afirmamos nossa liberdade. Além da afirmação da nossa liberdade, a consciência imaginante também seria a condição necessária para a liberdade do homem empírico. Neste sentido, a presente pesquisa tem como objetivo compreender como se dá a passagem de uma liberdade imaginativa para o exercício de uma ação, buscando seu sentido no interior de uma nova teoria da imagem, na qual a imagem perde seu estatuto de cópia ou simulacro da coisa presente na mente, advindo da concepção clássica, e metamorfoseia-se num tipo especial de consciência, em virtude da intencionalidade.