CELSO MARQUES JUNIOR

Curso
Doutorado
Orientador
Marcus Sacrini Ayres Ferraz
Fomento
CAPES
Título da pesquisa
“A cruz vetusta”: Husserl e a consciência íntima do tempo
Resumo da pesquisa

A pesquisa consiste em investigar de que maneira Husserl formula e reformula o conceito de “consciência absoluta” ou “consciência íntima do tempo” (“o mais importante problema de toda a fenomenologia”) ao longo de todo seu percurso filosófico, especialmente nas seguintes obras: 1) “Lições para uma consciência íntima do tempo”; 2) “Manuscritos de Bernau”; 3) “Os Manuscritos ‘C’”. Buscar-se-á demonstrar como o fenomenólogo descreve o extrato último da subjetividade transcendental em cada uma dessas etapas de fundamentação de uma “ciência rigorosa”, apontando quais problemas seus argumentos pretendem superar e se estes mesmos argumentos são capazes de dissolver as aporias encontradas nas doutrinas psicologistas.