MARCUS VINICIUS DA CONCEIÇÃO FELIZARDO

Título da pesquisa
Hegel: o problema da Pöbel e o sentido da história
Resumo da pesquisa

Na juventude, na virada para o XIX, Hegel analisou o longo processo de degradação do Império e o relacionou à emergência de um “espírito burguês” (Bürgergeist), isto é, de uma esfera de interesses comerciais autônoma. Apontaremos alguns fios de continuidade entre esses elementos e o conceito de sociedade civil na Filosofia do Direito para reconstruir como, em seu movimento natural, ela produz o “problema que atormenta a sociedade moderna” e que é nossa questão fundamental: a Pöbel. Abordaremos o problema a partir de suas implicações sociais (a naturalidade da produção social da pobreza e da Pöbel), políticas (os mecanismos de atuação e mitigação da questão pelo Estado) e históricas (como a Pöbel pode nos fornecer uma outra leitura do sentido da história em Hegel a partir do “presentismo”).

Curso
Mestrado
Orientador
Prof. Dr. Vladimir Pinheiro Safatle
Fomento
CAPES