ANDRE SAITO CASAGRANDE

Curso
Mestrado
Orientador
Roberto Bolzani Filho
Fomento
CAPES
Título da pesquisa
A legitimidade do "filósofo-rei" platônico
Resumo da pesquisa

Pretendemos examinar o argumento de Sócrates com vistas à justificação do governo do filósofo, na passagem 473c-e da República.Retraçando os argumentos oferecidos por Sócrates, a partir da definição de governo no Livro I, veremos que a proposição de que os filósofos devem governar parece depender da Ideia do Bem. Contudo, essa ideia não nos é apresentada. Esse paradoxo nos parece ser problemático.Tentaremos, então, ver se é possível, utilizando a noção de psicagogia – com auxílio dos diálogos Górgias e da Apologia –, enxergar outro caminho possível que sirva de justificativa para o governo do filósofo.